São Paulo, 17 de junho de 2022, por Psicóloga Fabíola Luciano – Aprender a falar não se faz necessário em muitos momentos da vida. Por isso, hoje o blog tratará desse assunto com uma abordagem simples e efetiva.

Em muitas fases de nossa vida nos deparamos com a dificuldade em dizer não para alguém. Talvez, você mesma, em algum momento disse sim a um pedido, mas na verdade queria dizer não.

E quando isso ocorre com frequência nos sentimos desconfortáveis, com um sentimento ruim, pois não agimos em conformidade com o que queremos, mas sim pelo outro ou para agradá-lo.

Até ao ponto de nos sentirmos incomodados, em um estado de sofrimento por não termos aprendido a dizer não para algo que não queremos fazer. Em muitos momentos, fazemos com o intuito de  agradar ao outro, porém, isso também nos causa dor.

Portanto, aqui estão breves reflexões e orientações sobre o tema. Então, essa é uma dificuldade para você? Saiba que é possível aprender a falar não e aprimorar essa habilidade.

Saiba mais: O que é Compulsão Alimentar?

Qual a Importância de Dizer Não?

Sem dúvida, você já passou por alguma situação em que não gostaria de ter ido a um encontro no domingo, por exemplo. Mas, por não saber dizer não, você esteve presente mesmo tendo outros compromissos ou interesses, para não decepcionar alguém.

Essa cena acontece regularmente. Você não é o único! Muitas pessoas lutam constantemente buscando formas de dizer não.

Dizer não é uma das melhores formas de autocuidado que podemos fazer por nós mesmos. Desse modo, sua importância se dá pelos seguintes fatores:

  • Cria espaço em nossa agenda para descansar e recarregar as energias;
  • Envolve-nos em atividades que realmente se alinham com os nossos objetivos atuais;
  • Estabelece limites com familiares, entes queridos, amigos e colegas;
  • Nos tira o peso de ter uma vida sem autonomia.

Por fim, ao saber dizer não, podemos ter maior liberdade sobre o que queremos ou não, dando oportunidade de construir uma vida plena e significativa.

Leia também: O que é Crise de Pânico?

Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Quando Realmente dizer Não?

Muitas vezes, ficamos em dúvida quanto ao momento em que se deve dizer não. Sendo assim, como saber? Então, aqui estão algumas questões que você pode perguntar a si mesmo antes de dar uma resposta, seja ela sim ou não.

  • Eu sei exatamente quais são meus principais valores, crenças e objetivos atuais? Se eu disser sim, vai afetá-los negativamente?
  • Esse projeto, oportunidade ou atividade em potencial está alinhado com meus valores, crenças e objetivos?
  • Dizer sim me impedirá de me concentrar em algo que é mais importante? Vai me deixar ainda mais cansado ou esgotado?
  • Se eu aceitar, isso será bom para minha saúde mental? Ou vai piorar meus sintomas?
  • Quando é mais provável que eu aceite uma solicitação que prefiro recusar? Como posso reduzir esses desafios?

Com essas perguntas em mente você conhecerá a si mesmo e saberá identificar o que realmente pode lhe trazer paz e alívio, tanto ao dizer sim como não.

Confira: O que é Inteligência Emocional?

Aprender a Falar Não – Como Aprimorar essa Habilidade?

Aprender a falar não é uma habilidade que você pode aprimorar. Então, se você sente desconforto ao dizer não para uma amiga ou irmã, não se preocupe, isso é aprendido com o tempo.

Aliás, quanto mais você disser não, mais natural vai parecer. Portanto, a prática é essencial e necessária. E mesmo que você falhe em algumas situações como o pedido do namorado a um lugar que você não queria ir, reconheça, e tente na próxima vez ser mais verdadeira.

Aprender a Falar Não – Maneiras de ser Gentil ao Recusar um Pedido ou Convite

Mesmo ao dizer não para alguém, você pode recusar sendo gentil, cortês, agradecido e respeitoso. Dessa maneira, abaixo você encontrará uma estrutura simples e sem complicações:

Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Seja Claro

Rodeios, tornar a conversa estranha ou duvidosa, confundirá a pessoa que fez o convite, o pedido. Por isso, seja claro com seu não, para que ninguém fique imaginando o que você está tentando dizer ou interprete de forma errada.

Para isso, você pode utilizar estas maneiras claras e gentis de recusar:

  • Infelizmente, vou precisar me ausentar;
  • Sinto muito, meu amigo, mas não posso;
  • Infelizmente, não posso;
  • Obrigado, mas isso não vai funcionar para mim;
  • Não, eu não sou capaz de fazer isso.

Frases a Evitar:

  • Hum, eu não sei;
  • Não tenho certeza;
  • É difícil dizer;
  • Bem, talvez eu pudesse fazer isso. Mas…

Expresse sua Gratidão, mas se Mantenha Firme

Outra maneira de ser gentil ao dizer não para quem você ama é agradecer pelo convite ou pedido. Todavia, seja firme na resposta.

Então, você pode simplesmente falar:

  • Obrigado por pensar em mim!;
  • Me sinto honrado!;
  • Estou imensamente grato;
  • Por favor, não deixe de me convidar! Talvez eu consiga me conectar em uma outra hora.
Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Aprender a falar NÃO – Qual a importância, quando realmente dizer e maneiras de ser gentil Foto: Freepik

Muitas vezes, acreditamos que estamos protegendo outras pessoas dizendo sim quando queremos dizer não. Todavia, ser transparente sobre nossos sentimentos, necessidades e limites leva a relacionamentos mais saudáveis ​​e autênticos.

E quando nós conseguimos aprender a falar não com naturalidade, sem culpa, vivemos em harmonia conosco e com todos ao nosso redor. Por isso, a prática vai te ajudar.

Todavia, para algumas pessoas essa dificuldade pode ser maior. Além disso, ela pode estar ligada a outros componentes da história de vida que tornam o desenvolvimento desta habilidade mais difícil. Desta forma, buscar um Psicólogo especializado pode te ser efetivo na identificação de fatores que obstruam o processo e na construção da Habilidade de Falar Não.

 

Conheça a Psicóloga Fabíola Luciano

Psicóloga Fabíola Luciano – CRP 104468
Especialista pela Universidade de São Paulo – USP

Deixe um Comentário