O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento

O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pxfuel
O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pxfuel

São Paulo, 15 de agosto de 2022, por Psicóloga Fabíola Luciano – O que é TOC Religioso? Talvez, você esteja sofrendo com pensamentos ruins a respeito de suas crenças a ponto dificultar seu dia a dia. Por isso, este artigo é para você!

O Transtorno Obsessivo-CompulsivoTOC pode atingir diversas áreas da vida, surgindo como TOC Sexual, de Limpeza, Organização e inclusive, o TOC Religioso.

Logo, a pessoa com TOC Religioso encontra-se numa condição de ansiedade excessiva que é oriunda, por exemplo, de pensamentos inadequados quanto a temas religiosos. Além disso, a pessoa pode ter a sensação de que está ofendendo a Deus ou quebrando regras religiosas e engaja em atitudes para evitar ou corrigir os seus erros.

Para tanto, esses pensamentos e sentimentos ruins acabam tomando a pessoa completamente, podendo gerar sensação de descontrole. Então, a pessoa se preocupa tanto, mas tanto que isso acaba por prejudicar a sua vida diária.

Assim sendo, situações cotidianas podem passar a ser aflitivas. Quando a pessoa está ansiosa antes dormir, por exemplo. Então, ela começa a ser inundada por pensamentos inapropriados e sente que precisa fazer um ritual de orações determinado número de vezes, repetidamente.

Também pode pensar que, por exemplo, Deus está bravo com ela por tudo que se passa em sua cabeça. E, por isso, fica muito receosa, com medo de que algo ruim aconteça no futuro.

Portanto, aqui estão alguns esclarecimentos sobre esses Transtornos de Ansiedade chamado de TOC Religioso para que você saiba identificar. Como também buscar ajuda com um Psicólogo Especialista em TOC e, assim, fazer um tratamento adequado para lidar com este diagnóstico.

Leia também: Transtorno Obsessivo Compulsivo – TOC

O Que é TOC Religioso?

É um Transtorno de Ansiedade, obsessivo e compulsivo por tudo que envolve a sua fé religiosa ou a sua vida espiritual. Desse modo, a pessoa com TOC Religioso pode transformar a sua fé, a qual é fonte de conforto e alegria, em um gatilho para a ansiedade.

Logo, ela tem pensamentos negativos ou ansiosos persistentes a respeito de sua vida espiritual. Com isso, essas obsessões interferem negativamente em sua rotina, em atividades etc., fazendo com que o dia a dia seja muito angustiante.

Aliás, pode parecer simples, olhando de fora, ignorar esses pensamentos, não é mesmo? Mas não é nada simples para o paciente que é com diagnóstico de TOC Religioso.

Sem conseguir lidar com os pensamentos, emoções se tornam gigantes ficando impossível de suprimir ou ignorá-las.

Portanto, o problema a ser tratado no diagnóstico de TOC Religioso é a Ansiedade Extrema bem como as Obsessões e Compulsões, e não a religião ou a sua fé, vida espiritual.

Até porque, mesmo que uma pessoa se tornasse ateia ou abandonasse sua religião ou sua fé ela ainda seria portadora do TOC, o que mudaria somente os conteúdos de suas obsessões e compulsões.

Deixando de serem vinculadas à religião para se tratarem de outro tema relevante para o paciente.

O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento - Psicóloga Fabíola Luciano
O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pxfuel

Sintomas do TOC Religioso

Muitas pessoas com TOC podem ter medos intensos relacionados a sua religião ou espiritualidade. Além disso, elas podem ter preocupações e ansiedades de forma incomum causando-lhes angústias e sofrimentos internos.

Assim sendo, os sintomas do TOC Religioso se manifestam em:

  • Pensamentos ou medos de ser indigno de salvação;
  • Pensamentos intrusivos com conteúdos que violem sua fé;
  • Imagens mentais com conteúdo angustiante;
  • Medo de que as orações tenham sido ditas incorretamente ou partes tenham sido deixadas de fora;
  • Uma mentalidade de que pecados horríveis foram cometidos ou que Deus está descontente com certas ações;
  • Pensamentos de que não é religioso o suficiente e deve praticar mais a sua fé;
  • Pensamentos sobre blasfêmias;
  • Pensamentos de que merece ser punido;
  • Preocupação excessiva com moralidade religiosa.

Além dessas citadas, os rituais associados ao TOC Religioso podem envolver ações exageradas, como:

  • Rezar ou realizar rituais religiosos por um longo período de tempo, por exemplo, muitas horas por dia (em alguns casos, os rituais são longos porque precisam ser feitos “perfeitamente” ou “suficientemente”);
  • Pedir continuamente o perdão de Deus e confessar repetidamente os pecados percebidos, seja a Deus por meio de orações ou a um representante religioso;
  • Constantemente meditando sobre suas ações, imaginando se o comportamento foi pecaminoso ou se as palavras tinham duplo sentido de natureza sacrílega;
  • Tentar anular pensamentos “ruins” com pensamentos “bons” ou pensamentos mais religiosos; tentando “compensar” pensamentos ruins pensando o mesmo número de pensamentos bons
  • Rezar um certo número de vezes, ou (em algumas religiões) fazer o sinal da cruz um número específico de vezes antes, durante ou depois de rezar

Confira também: TOC Sexual

O Que Causa o TOC Religioso?

Talvez, pode surgir a pergunta: O que leva uma pessoa a ter TOC Religioso e quais poderiam ser as causas desse transtorno?

No entanto, não há resposta específica para esta pergunta, mas pensamos sim em um conjunto de fatores.

O TOC Religioso é um subtipo de TOC. Portanto, quem tem TOC Religioso é portador do diagnóstico de Transtorno Obsessivo Compulsivo, significando que ele pode ter outros subtipos de TOC não religioso.

Dessa maneira, algumas pessoas com TOC Religioso descobrem que suas obsessões e compulsões evoluem ou se modificam em relação ao conteúdo, com o passar do tempo.

Logo, as causas do TOC Religioso não são totalmente compreendidas, porém observamos pontos importantes. Considera-se uma forte correlação com fatores genéticos, ambientais ou uma mistura das duas fontes.

Por exemplo, alguém com histórico familiar de TOC pode ser mais suscetível ao diagnóstico geneticamente. O lugar que a religiosidade ou espiritualidade ocupa na vida do paciente também é muito relevante.

O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pxfuel
O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pxfuel

Para tanto, é mais provável que uma pessoa tenha TOC Religioso, se para ela:

  • A religião desempenha um papel significativo na vida social e no senso de si mesmo;
  • Atribui peso moral às dúvidas religiosas transitórias;
  • Acha que as suas transgressões morais ou religiosas serão severamente punidas por Deus ou divindade em que acredita;
  • Tenha algum familiar próximo com TOC.

Impactos Na Vida do Paciente

Todos os tipos de TOC incluem obsessões e compulsões, o que muda é o conteúdo delas de acordo com o subtipo do TOC.

Assim sendo, as obsessões se caracterizam por pensamentos, imagens mentais, diálogos internos imaginados, questionamentos ou dúvidas indesejadas e intrusivos.

Agora, as compulsões são ações físicas ou mentais repetitivas realizadas na tentativa de aliviar a angústia e a ansiedade que as obsessões trazem. E todos esses incômodos resultam em impactos negativos à vida do paciente com TOC Religioso.

Logo, o TOC Religioso prejudica a qualidade de vida de uma pessoa. Muitas vezes, causando outros sentimentos como extrema ansiedade, culpa e vergonha.

Pode gerar também um certo isolamento social ou diminuição da conexão com as pessoas importantes na vida do paciente. Além disso, afeta um aspecto muito importante como suporte emocional que é a parte religiosa/ espiritual, podendo gerar sensação de perda de sentido ou desamparo.

Sendo assim, uma pessoa pode se envolver em rituais na tentativa de diminuir a angústia gerada pelo diagnóstico na medida em que se distancia do trabalho, da escola ou das obrigações familiares.

Confira ainda: Tratamento Psicológico Adulto

Tratamento para TOC Religioso - Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento de TOC Religioso - Psicóloga Fabíola Luciano
O Que é TOC Religioso? Sintomas, Causas, Impactos e Tratamento Foto: Pexels

Tratamento para TOC Religioso

A Terapia Cognitivo Comportamental (TCC) é um tipo de Terapia Baseada em Evidência Científica com excelentes resultados pata Tratamentos de Ansiedade, incluindo o TOC Religioso.

O tratamento para TOC Religioso é muito efetivo e segue protocolos reconhecidos internacionalmente para redução dos sintomas. Mas exige que o paciente esteja disposto ao tratamento e de forma orientada e gradual desafie seus medos.

Assim sendo, a terapia geralmente é focada, dentre outras bases, em ajudar a pessoa a controlar a ansiedade sem prejudicar sua qualidade de vida.

Desse modo, o terapeuta jamais questionará a fé do paciente, mas sim tratará a sua ansiedade relacionada aos medos religiosos.

A TCC é considerada padrão ouro para tratamento de TOC. Dessa forma, a terapia irá ajudar a:

  1. Entender o Funcionamento do TOC
  2. Diminuir Obsessões
  3. Diminuir Compulsões
  4. Diminuir os Sintomas do TOC
  5. Técnicas de Controle da Ansiedade
  6. Psicoeducativo sobre os mantenedores do Transtorno
  7. Desconstrução de Regras Supersticiosas
  8. Estratégias de Gerenciamento Emocional
  9. Aumento de Repertório Comportamental
  10. Redução da Hipervigilância
  11. Exposição e Prevenção de Resposta

Dessa maneira, a TCC é uma abordagem de tratamento com eficácia de resultado. O TOC trata-se de uma patologia, portanto, não regride sozinho e precisa de tratamento especializado. Caso você seja portador do diagnóstico, entre em contato para iniciar seu tratamento.

Conheça a Psicóloga Fabíola Luciano

Psicóloga Fabíola Luciano – CRP 104468
Especialista pela Universidade de São Paulo – USP

Respostas de 3

  1. Tenho 14 anos tive meu primeiro pensamento intrusivo aos 11 me tratei conversei com minha mãe aí veio de volta aos 14 isso tá cada fez pior parace que minha mente tá controlando meu corpo ,sou cristã isso faz que eu perdesse a fé tem os pensamentos são violentos confrontos, sexual judiação mas são religiosos não sei o que fazer

    1. Boa noite,Bárbara e muito dificil o que vc ta passando procure ajuda e ñ tenha vergonha de expor o que vc sente ajuda profissional espero que vc consiga

    2. Isso é muito complicado !um conselho… E vc focar sua fé eu só Deus que criou tudo e todos mais não julga niguem apenas protege a vida é deixá sermos o que escolhermos ser. Já nossos erros ou acertos é por nossa conta. Ou seja! Se livre de saber o que niguem sabe . Abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Recentes

São Paulo, 01 de abril de 2023, por Psicóloga Fabíola – Saber Como Funciona O Tratamento De TOC pode dar

terapia-para-ansiedade-psicologa-fabiola

Por definição a ansiedade é um estado de Agitação, Angústia ou Preocupação,

Violência Doméstica: O que é, Quais as Características, Estatísticas, Tipos de Agressão, Ciclo da Violência Doméstica, As Consequências de Conviver