Transtorno Bipolar

O que é Transtorno Bipolar?

O Transtorno Bipolar é uma doença que leva o paciente a viver dois “polos” opostos (alegria/euforia x tristeza/depressão) por isso conhecida como Bipolaridade.

As principais características são as alterações severas do estado de humor. O paciente vive crises de episódios depressivos (fase depressiva) que se alterna com episódios de euforia ou mania (fase maníaca). É possível que hajam períodos de estados de humor normal entre as crises e elas podem variar em nível de intensidade e gravidade.

Quanto tempo pode durar uma crise?

O tempo das crises varia muito. O paciente pode permanecer em cada uma das fases por dias, semanas ou até meses, assim como o período de estabilidade de humor entre elas. Devido à ampla possibilidade de variação, o mais indicado é investir no tratamento, que além de ajudar a diminuir o tempo e duração das crises ajuda a preveni-las.

Transtorno Bipolar Sintomas

O Transtorno Bipolar possui 04 tipos diferentes da doença e os sintomas dependem de qual tipo de transtorno bipolar o paciente é portador. (Ver abaixo – Tipos de Transtorno Bipolar)

 FASE MANÍACA

  • Pensamentos acelerados, fala muito rápida e até dificuldade em manter continuidade em um assunto, mudando constantemente
  • Sentimento de Felicidade Extrema e de Grandiosidade
  • Hiperatividade, energia excessiva
  • Dificuldade para se concentrar, distração
  • Perda da noção de realidade (alucinações e delírios)
  • Descontrole do temperamento, dificuldade com a contrariedade
  • Aumento da vontade de Comprar, Comer, Fazer Sexo ou Beber/Drogas.
  • Diminuição da necessidade de dormir
  • Comportamento mais chamativo/desinibido
  • Aumento exponencial da auto estima (Hipervalorização de si mesmo e de suas qualidades)
  • Maior irritabilidade ou agitação
  • Comportamento impulsivo, fazer coisas sem avaliar o risco.

transtorno-bipolar

 FASE DEPRESSIVA

  • Sentimento de Tristeza e Desespero
  • Sentimento de Culpa e Inutilidade
  • Pensamentos negativos sobre si sobre si
  • Sensação de Incapacidade
  • Autoestima extremamente diminuída
  • Alteração no sono
  • Perda do interesse pelas atividades e pessoas que lhe são importantes
  • Choro constante ou Muita Vontade de Chorar
  • Diminuição do Desejo Sexual
  • Dificuldade para tomar decisões
  • Agitação ou Cansaço demasiado
  • Auto depreciação
  • Desejo de morrer ou Tentativa de Suicídio

Tipos de Transtorno Bipolar.

  • TRANSTORNO BIPOLAR TIPO 1 – O paciente apresenta período mais curtos da fase de mania e períodos mais longos da fase depressiva.
  • TRANSTORNO BIPOLAR TIPO 2 – O paciente alterna entre períodos de Hipomania ( Episódio similar à fase maníaca, mas com sintomas mais leves) e Depressão.
  • TRANSTORNO BIPOLAR NÃO ESPECIFICADO OU MISTO – O paciente apresenta os sintomas de transtorno bipolar, mas a frequência e o tempo de duração não é suficiente para classifica-lo em nenhum dos subtipos acima.
  • TRANSTORNO BIPOLAR CICLOTÍMICO – é o quadro mais leve do transtorno bipolar, chega a ser percebido como uma pessoa que tem o humor instável. É marcado por oscilação crônica de humor ao longo do dia, alternando entre os sintomas de hipomania e depressão leve.

transtorno-bipolar

Risco de Suicídio

Infelizmente o risco do suicídio é considerado alto em pacientes com este diagnóstico. É estimado que até 50% das pessoas com bipolaridade tenham uma tentativa de suicídio ao longo da vida e 15% efetivamente se suicidam.

Outro componente perigoso é o abuso de álcool e drogas, presente em muitos casos, e que acaba comprometendo a adesão ao tratamento e aumentando as chances do suicídio e. Isso não quer dizer que você deva se alarmar, mas é um dado que não pode ser ignorada e ressalta a importância do Tratamento.

 

Causas Transtorno Bipolar

Não são totalmente conhecidas as causas do transtorno bipolar, mas já são conhecidas como importantes: Alterações nos níveis de neurotransmissores e em regiões específicas do cérebro, Fatores Genéticos e Psicosociais.

 

Psicóloga Transtorno Bipolar

O tratamento para a bipolaridade deve ser feito de forma individualizada. Serão estruturadas sessões com um planejamento específico para cada caso e que ajudarão o paciente a melhorar os comportamentos prejudiciais e consequentemente ter uma vida mais estável.transtorno-bipolar

Vou listar aqui alguns objetivos e benefícios do Tratamento:

  1. Diminuir as Crises
  2. Garantir maiores períodos de Estabilidade Emocional
  3. Minimizar os Sintomas
  4. Melhorar sua Relação com as pessoas
  5. Trazer maior controle
  6. Aprender a sair mais rápido das crises e não se afundar nos pensamentos negativos
  7. Aprender a entender e lidar com o Transtorno e sintomas
  8. Aprender a lidar com Situações Difíceis minimizando risco de crises
  9. Lidar com a Impulsividade sem se prejudicar com atitudes impulsivas

Como Psicóloga consigo compreender a dificuldade de conviver diariamente com a Instabilidade e suas implicações diárias, porém, afirmo também que o Tratamento ajuda muito a minimizar este cenário. Ao falarmos de Transtorno Bipolar não podemos pensar em cura, mas em controle e a Terapia especializada é uma ferramenta fundamental para isso.

Se você sente que os benefícios mencionados acima podem fazer diferença na sua vida, não deixe de entrar em contato. Vamos começar agora mesmo o acompanhamento!

 

Fabíola Luciano – CRP 104468
Psicóloga especialista pela Universidade de São Paulo – USP.

Artigos Recentes

A Síndrome do Pânico Noturno é uma consequência do Transtorno de Pânico. Se manifesta através de crises de ansiedade repentinas

Síndrome do Pânico Causas tem sua origem numa combinação de fatores, não em um fator isolado. Assim, podem ocorrer a

A Terapia Cognitivo-Comportamental – TCC é uma solução eficaz em como tratar a Síndrome do Pânico. Inclusive, esse tratamento possui